Hospital do Câncer realiza confraternização entre pacientes dos Cuidados Paliativos

Compartilhe:

Em comemoração ao dia mundial dos Cuidados Paliativos, a equipe multidisciplinar de Cuidados Paliativos do Grupo Luta Pela Vida/Hospital do Câncer em Uberlândia preparou uma confraternização aos pacientes, acompanhantes e familiares, proporcionando uma manhã festiva com café da manhã, apresentações musicais e de dança do ventre.

A data é comemorado no dia 08/10, mas a festa com os pacientes aconteceu na última quarta (05/10). O ápice do evento, veio de um visitante muito especial. O cantor Victor da dupla Victor e Léo, marcou presença e proporcionou um momento único aos pacientes, deixando a eles uma mensagem de superação. A dupla que apoia o trabalho realizado pelo Hospital, já participou de outros momentos com os pacientes, em especial que está sob Cuidados Paliativos, em visitas, eventos e ações realizadas como apoio ao trabalho desenvolvido.

O Hospital atualmente oferece atendimento aos pacientes que estão sob Cuidados Paliativos, através de uma equipe multiprofissional e voluntários que oferecem atendimento domiciliar e acompanham o paciente e familiares. Para ampliar esse trabalho o Grupo Luta Pela Vida iniciou a construção do Centro de Cuidados Paliativos Oncológicos, espaço pensado para os pacientes que já não têm chances de cura, mas que necessitam de um local e cuidados especiais. O centro será um local diferenciado para os pacientes, com Hospedaria e espaços de convivência e é parte da 1º Etapa da construção da Unidade 2 do Hospital do Câncer em Uberlândia.

palestra

foto-7

Sobre Cuidados Paliativos:

O que são cuidados paliativos?
Cuidados Paliativos são os cuidados assistenciais oferecidos para todo paciente que tenha uma doença fora de possibilidades de cura (que ameace a vida) visando melhor qualidade de vida através da prevenção e alivio do sofrimento imposto pela doença. Para isso é fundamental que o paciente tenha acesso a uma equipe multidisciplinar. Essa equipe tem o desafio de avaliar e tratar da dor e outros sintomas físicos, assim como aspectos sociais, psicológicos e espirituais.

Quando e para quem é indicada?
Esses cuidados são oferecidos para o paciente e sua família no momento em que o médico assistente identifica que não existem mais possibilidades da doença ser curada. Todos os envolvidos nesse processo de adoecimento e terminalidade devem ser acolhidos e contemplados pelos Cuidados Paliativos.

Quais são os cuidados necessários durante o tratamento?
Nessa modalidade de tratamento o principal cuidado é com o diálogo, que deve ser aberto e franco entre todos, equipe que assiste, família e paciente. Um diálogo feito com compaixão e atenção aos mínimos detalhes, para que possamos garantir a autonomia do paciente.

Quais são os efeitos colaterais?
O amor é fundamental neste tipo de tratamento, porém, efeitos colaterais desta modalidade podem provocar nos pacientes e familiares sensações de dependência pela unidade de tratamento.

Como amenizar os efeitos colaterais?
Procurar medidas para extravasar os sentimentos através de atividades prazerosas: exercícios físicos, saídas com os amigos, escutar música, ler um bom livro, entre tantas opções que possam trazer uma sensação de bem-estar.

Fonte: Site Hospital do Câncer de Barretos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *